de repente.... já nos 20?!

Novembro 30 2012

 

 

E Dezembro está já aqui à distância de um piscar de olhos. O frio que se faz sentirnão nega a época que se aproxima.~Dezembro é claro está o mês do Natal. Das jantaradas do trabalho. De amigos. De vizinhos Do ginásio. É o mês em que se junta a familia toda e se ultrapassam zangas e brigas. Dezembro traz o frio e a vontade de acendar a lareira. De nos enroscar-mos numa mantinha com uma caneca de chocolate quente para ver um filme. Dezembro traz a lembrança memórias de tempos idos. De pessoas que por este ou aquele motivo já não estão nas nossas vidas.

Traz paz. Alegria. Traz o que faz falta durante um ano inteiro na maiorida das pessoas...Ás vezes chega quase a cheirar a falsidade toda a bondade e felicidade que reina nesta altura..Mas se esta época traz ao de cima o que há de melhor em cada um, mesmo que esses sentimentos tenham data de válidade, que assim seja...

 Que Dezembro seja doce. Que traga a inspiração para o ano que se avizinha. Que traga a sorte que cada um precisa para ir vivendo cada dia da melhor maneira possivel.


Dezembro 01 2011
 
Hoje começa Dezembro e a mim já me começa a cheirar a Natal. Hoje, como em todos os outros anos, foi dia de fazer a árvore de natal. Foi dia de enfeitar a casa ao som dos singles conhecidos desta época. Foi dia de deixar o Natal começar a entrar cá em casa.
Já tenho dito várias vezes que esta época perdeu um pouco do significado que teve em tempos. É sempre uma altura que tráz à memória outros tempos, que aviva sentimentos, que tráz á tona recordações escondidas.
É sobretudo uma época de muito consumismo: são as pilhas de brinquedos em todos os supermercados, o apelo ao consumismo desenfreado nas televisões, montras de lojas, internet etc, etc,etc.. E o espirito de ajuda ao próximo que apenas se verifica nesta altura do ano..
Sim, existem muitas coisas com que não concordo, porém há qualquer coisa de mágico nesta altura do ano que me envolve em sentimentos bons.
E embora sinta triste, sobretudo na ceia, por não puder partir-me em duas. Por não puder estar em duas casas ao mesmo tempo. Por não puder abraçar duas pessoas distintas em simultaneo..esta época faz-me sorrir..
Sim, hoje entro em contagem decrescente..hoje cá em casa começa mesmo a cheirar a Natal
 

desabafos, comentarios, disparos e caturreiras..enfim, pedaços de vida de uma miuda de 20 anos a quem nunca NADA, mas mesmo nada corre como o planeado...
mais sobre mim
Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
24
25

26
27
28
29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO