de repente.... já nos 20?!

Dezembro 27 2012

 

O Natal foi-se tão depressa como veio. E ainda bem...Esta época deixa-me sempre triste e deprimida. Nostálgica e com um enorme vazio dentro de mim. Para mim adormecia dia 23 e só acordava depois desta azafama toda passar.

Mas agora é altura de carregar baterias para o ano que ai vem. De escolher a roupa e os sapatos e a maquilhagem. De preparar a noite com os amigos para que a entrada em 2013 seja em grande..

Janeiro 01 2012

 

Hoje estreámos o novo ano. Temos um novinho à nossa espera. 365 dias para amar, para sorrir, para estar com os amigos, para viajar e conhecer sitios novos, para aprender coisas, para concretizar as metas que ficaram pelo caminho, para viver mil e uma aventuras, para conhecer pessoas novas e ereencontar velhos amigos. Hoje começa um novo mundo de oportunidades.

E começou bem este meu ano novo, assim como acabou, rodeada de amigos, muita animação, muitos abraços, muito calor humano.

Dizem que os primeiros momentos do ano, vão influenciar o resto dos meses...se for assim, de certeza que terei um ano fantástico!!


Dezembro 28 2011

 

 

 

O novo ano está a aproximar-se, mais um que passou, mais um que está aí ao virar da esquina. Nesta altura, como em todos os anos, as

esperanças renovam-se. Os sonhos renascem. Cresce a vontade de concluir o que ficou para trás. Aparecem projectos. Constroem-se novas metas. Esta é a altura em que nos mantemos possitivos, naquela expectativa boa de saber o que nos trará o ano que aí vem...


Dezembro 30 2010

 

 

 

O ano está a chegar ao fim e como tal é altura de fazer um balanço..

Não foi propriamente um bom ano para mim, quer dizer também não foi mau! Teve das duas coisas… Não sei se os maus superam os bons, se apenas deixaram mais mossa.

Sim houve momentos que me magoaram profundamente e que me fizeram chorar horas a fio durante dias seguidos. Mas houve outros em que os risos foram rasgados, em que as gargalhadas sonoras encheram a sala e ainda ecoam no meu coração.

Houve momentos em que me apeteceu mandar tudo ao ar, fugir para bem longe e desistir de tudo e todos. Houve outros porém que me fizeram ter a certeza que este é o meu lugar, que é aqui que devo estar!

Houve sonhos que se perderam outros que se conquistaram. Houve amigos que ganharam e amizades que se fortaleceram.

Houve momentos que me fizeram crescer e tornar uma pessoa mais forte, momentos em que me senti ficar sem forças, mas depois consegui reerguer-me das cinzas!

Houve viagens a sitos fantásticos e imagens que jamais irei esquecer.

Houve sentimentos e palavras trocadas que me aceleram o coração de cada vez que são lembradas..

Houve pedaços, pequenos pedaços de alegria espalhados por aqui e por ali..

Houve pedaços, grandes pedaços de alegria espalhados aqui e ali..

Pedaços que se transformaram em memórias fantásticas e que me fazem sentir sortuda por poder partilhar essas vivências com pessoas tão especiais.

Houve beijos trocados e noites passadas lado a lado.

Houve promessas sussurradas e sentimentos revelados. Houve amor….mas sim, em algumas alturas também houve dor!

O novo ano está a porta.. não tenho medo dos momentos maus, são esses que me irão fazer crescer, então que venham eles, mas que venham muitos mais momentos bons! Que venham os jantares, os cafés intermináveis, as férias, a NOSSA viagem de finalistas, os sorrisos, os abraços e a partilha das coisas boas desta vida!

Então olhando para trás realmente não posso dizer que foi um BOM ano, mas também não foi mau. Foi o MEU ano, com tudo o que faz parte da vida de uma pessoa normal. Com tudo o que contribui para me tornar num ser melhor**


Setembro 23 2010

 

 

Hoje estamos ao 296º dia do ano. Hoje faltam apenas 99 dias para iniciarmos um novo ano. Hoje penso que o tempo passou realmente depressa. Que se escapou por entre os dedos como se fosse areia..Quanto mais apertamos, mais ele escapa.

Quando era miúda parecia que o tempo demorava a passar. Os dias duravam eternidades, os anos então nem se fala. Hoje não é bem assim. Hoje pestanejo e PUF, lá se passa mais  um ano. Assusta-me esta rapidez. Assusta-me ver que estou quase a encerrar mais uma fase da minha vida, que daqui a nada acaba a vida académica e sou lançada para o mundo dos “adultos”. Assusta-me a perspectiva de o tempo estar a passar e não saber se vou conseguir atingir as minhas metas, chegar aos meus objectivos. Assusta-me estar a envelhecer, posso parecer tola pensar nisto com a minha idade, mas é verdade que me assusta… A noção do corpo a degradar-se, a progressiva perda de capacidades, a imagem de me ver sozinha, completamente sozinha. Não gosto disso. Não gosto que o tempo passe assim a correr por mim, quase que nem dou por ele. Não quero que passa demasiado depressa. Não quero chegar ao fim do tempo e perceber que me faltou tempo para viver o que queria…


desabafos, comentarios, disparos e caturreiras..enfim, pedaços de vida de uma miuda de 20 anos a quem nunca NADA, mas mesmo nada corre como o planeado...
mais sobre mim
Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
24
25

26
27
28
29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO