de repente.... já nos 20?!

Junho 30 2014

 

 

 

Um dia acordas e pufff...Não resta mais nada!Só ausência! Só um vazio gigante. Não resta mais nada do que antes existia. Do que te fazia vibrar. Suspirar. Gritar. Tremer. Sorrir. Chorar..no fundo o que te fazia respirar! Aquilo por que valia a pena respirar!

Ficará sempre contigo claro, num cantinho especial da tua alma..porque é impossivel esquecer alguém que é/foi o nosso mundo. Alguem que achámos ser a nossa pessoa. Que pensámos ser aquele com quem iremos ficar velhinhas e encarquilhadas! Está ali mas não está..porque não há presença fisica. Não há cheiros. Não há beijos. Não há risos. Não há carinhos..está ali mas não está porque o nosso cerebro prega partidas e aos poucos vai-nos fazendo esquecer alguns pormenores. Vai-nos anestesiando os sentimentos. Vai afastando aquela pessoa do nosso dia a dia até que só restam memórias doces e recordações especiais.

Um dia acordas e percebes..ninguem morre de amor! Sofremos quando acaba claro está..mas não morremos, bem pelo contrário..ficamos mais fortes! As pessoas vão embora sim, mas deixam connosco um pedaço de si. As memórias. As recordações dos momentos passamos. Deixam a sua marca em nós..com sorte levam consigo uma marca nossa também...

Um dia acordas e aquela pessoa está ali e não está...e então compreendes que amar uma pessoa, às vezes não significa ficar com ela para sempre...


Boa Noite amiga, espero que ainda te lembres de mim, lindo texto este teu, embora discorde de ti num ponto essencial, podemos não morrer de amor mas mais fortes também não ficamos pois se é verdade que ficam as recordações (muitas vezes boas) a dor e o sofrimento levam-nos muitas vezes as forças as lagrimas tornam-nos mais frageis , tudo se tora cinzento, beijinhos
Nuno Marques a 2 de Julho de 2014 às 00:55

Olá Nuno =) é verdade que existe um período em que tudo é cinzento e não temos alegria para nada, contudo, ultrapassados esse momento é mais uma batalha vencida por isso nesse aspecto digo que ficamos mais fortes...
Obrigada pelo teu comentário! Beijinho**

(ainda não me disseste o endereço do teu blog novo)
Sophia a 2 de Julho de 2014 às 14:50

o blog e o ultimo que comentaste, tendo em conta o teor dos textos que la irei publicar e o titulo do blog ser bastante aproposito, resolvi reabri-lo por assim dizer.
aqui fica:

http://almapura.blogs.sapo.pt/


a minha tristeza e tão grande que nem sempre tenho paciência de escrever, as vezes tenho pachorra de o fazer, as vezes o que custa e começar mas as vezes sinto vontade e não o faço porque me sinto tão triste que nem pachorra tenho para isso, outras vezes e mesmo falta de tempo ou de inpiraçao, mas vou tentar ser mais acidou na escrita faz me bem, e tenho que reencontrar pessoas como tu que ficaram nas minhas amizades blogoesferográficas e tanta falta me fazem

beijinho
Nuno Marques a 3 de Julho de 2014 às 00:55

desabafos, comentarios, disparos e caturreiras..enfim, pedaços de vida de uma miuda de 20 anos a quem nunca NADA, mas mesmo nada corre como o planeado...
mais sobre mim
Junho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
20

22
24
25
27



pesquisar
 
blogs SAPO