de repente.... já nos 20?!

Março 04 2012

 

 

 

A música pode dizer muito. Podem marcar um momento. Podem-nos fazer lembrar a alguém. A música conseguir dizer mais sobre o nosso estado de espirito do que muitas vezes as palavras que usamos. A música é capaz de tocar profundamente o nosso coração. Acalmar-nos. Fazer-nos chorar. Fazer-nos dançar.

A música. A melodia. As letras..podem dizer tanto.

E quando alguém nos põe o dedo sobre os lábios e nos pede para escutarmos a música que passa na rádio.. simplesmente estarmos atentos porque aquela música é para nós. Porque nela vamos encontrar uma mensagem..

É bom. É bom demais... melhor ainda quando essa música é tão cheia de significado...

Tenho ouvido vezes sem fim a música que disseste que era tão adequada naquele momento. E era de facto... foi capaz de dizer tudo, muito mais que as palavras atrapalhadas. Muito mais que os abraços apertados. Muito mais que as promessas ditas ao ouvido. Muito mais que os beijos roubados...

Sim, aquela música marcou aquele momento..marcou-me a mim também... Quero acreditar no que me cantaste ao ouvido. Quero acreditar que pode ser verdade... Quero acreditar que vais estar comigo, mesmo de longe. (IMU)

 


Março 03 2012

 

 

Quando era miúda adorava deitar-me no jardim da quinta e ficar a ver as nuvens. Ficava assim durante horas, a olhar para o céu e a imaginar que formas faziam as nuvens!

Castelos. Dragões. Ursinhos. Palhaços. Era um autêntico desfile de personagens. De formas irreverentes que pintalgavam o céu azul.

Confesso que ainda o hoje o faço. Quando me deito em cima do capo num qualquer lugar a beira - mar e fico assim.. a imaginar o que aparece entre as nuvens. A relembrar um pouco o que é ser criança...

 

 


Março 02 2012

 

 

 

 

Já passei por muita coisa, posso ter uma vida curta", mas é com certeza bem recheada! Já molhei a almofada de tanto chorar. Mas também já chorei de tanto rir. Já dei abraços que não me apeteceu largar mais. Já adormeci no calor do braço de alguém. Já passei noites em claro à volta de uma mesa e rodeada de amigos a "jogar conversa fora". Mas também já fiquei emocionada com o poder do silêncio em dado momento. Já sofri tremendamente por amor e já fiz alguém sofrer. Já perdi vezes a fio no poder de um olhar. Já me arrepiei com palavras sussurradas ao ouvido. Já passei por fases de quase dar a vida por alguém. Já senti saudades de uma forma terrível. Dilacerante até. E isso fez-me perceber que na vida, nem sempre temos aquilo que desejamos.

Já tive que me despedir de amigos. Mas também já tive o privilégio de conhecer novas pessoas um pouco por todo o lado.

Já passei por muito. Como tanta gente por ai. Já senti. Ri. Chorei. Já amei. Já me desiludi. Já disse que chegava. Voltei a repetir. Voltei a sofrer. E no final voltei a lutar...

Ás reclamo da minha vida. Fico rabugenta e queria desaparecer. Porque às vezes me farto de sofrer e de não conseguir ter um momento de paz. Mas o que é certo é que tudo isto me faz crescer. Me ensina. E grande parte destas coisas fazem-me ou fizeram-me feliz em dada altura da minha vida..

E se me fez feliz..jamais poderia ter sido um erro...

Uma vida cheia. Plena. Mais ou menos feliz..acho que depende de como encaramos os factos....

 


Março 01 2012
 

 

Todas, ou quase todas as histórias têm um fim. Salvo raríssimas excepções, até as histórias de amor, acabam um dia por ter um ponto final.

Mas às vezes é preciso deixarmos ir. É preciso abrirmos mão disto ou daquilo. Por mais que custe. Por mais que doa. Se foi posto no nosso caminho, é porque certamente iremos ultrapassar essa barreira..e no final valera a pena.

A vida é cíclica. Cada vez que há um final, um novo inicio se avizinha. O dia segue-se à noite. O verão à Primavera. Um ano que caba para que um comece... Assim, acho que posso dizer, que nada vida, cada final é uma promessa para um novo começo. Melhor. Mais intenso. Mais arrebatador. Ou talvez não e mais uma vez esse ciclo de feche. Até um dia entrarmos no verdadeiro..naquele que se renova de forma fantástica sem que nunca termine-. Naquele que tem a capacidade de se reinventar a cada dia.

É como dizem.. quando algo ou alguém vai embora, fica aberto o caminho para que alguma coisa melhor nos possa acontecer|

 

 


desabafos, comentarios, disparos e caturreiras..enfim, pedaços de vida de uma miuda de 20 anos a quem nunca NADA, mas mesmo nada corre como o planeado...
mais sobre mim
Março 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

14
15
16
17

18
22
23

29
31


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO